Novidades

Valesca Popozuda pode ser presa nos Estados Unidos

A funkeira estaria sendo acusada de estelionato por não ter cumprido uma agenda de shows nos estados da Pensilvânia, Geórgia e Nova Jersey e recebeu o cachê destes shows antecipadamente.

O produtor Rogério Dias, que intermediou a negociação com os norte-americanos, revelou que o empresário da cantora, Pardal, exigiu o cachê integral antes da viagem. “Na véspera da viagem, ele me ligou dizendo que Valesca havia acordado um pouco resfriada. Horas depois, ela colocou foto no Instagram dizendo que estava ensaiando na Via Show”, disse.

Apesar de Valesca já ter devolvido o dinheiro do cachê, ainda estariam pendentes as devoluções dos custos de passagens, publicidade e cerca de R$ 13 mil de uma petição para que ela obtivesse o visto de trabalho.

“Fui sozinho a Nova York. Os contratantes estão se sentindo lesados, por isso deram queixa e entraram com um processo contra eles”, explicou Rogério ao jornal “O Dia”.

Por ter seu nome nos registros da polícia do país, Popozuda terá que se explicar à corte, caso decida colocar os pés nos EUA novamente. Além disso, não deve mais conseguir um novo visto para trabalhar por lá. “Ela está queimada”, resumiu o produtor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*